Publicado em 17/11/2017 - em

Seminário promovido pelo CRP-13 debate a ética do cuidado no campo da Saúde Mental

O CRP-13, através da Comissão de Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas, promoveu nos dias 13 e 16 de novembro, nas cidades de João Pessoa e Campina Grande, respectivamente, o “I Seminário de Saúde Mental, Álcool e outras drogas do CRP: Reflexões a partir da ética do cuidado”. O evento, que foi aberto a estudantes e profissionais da Psicologia de forma gratuita, objetivou promover um espaço de diálogo sobre a Política da Redução de Danos como uma ética de cuidado que valoriza a autonomia e a subjetividade das pessoas que fazem uso de álcool e outras drogas.

Em João Pessoa, participaram como facilitadores do debate o psicólogo Especialista em Psicopatologia e dependência química pela UniSãoPaulo, Bruno Logan, que trabalhou por três anos na Cracolândia e hoje é Redutor de Danos pelo projeto “Respire”; a psicóloga Adelle Nascimento, que é Mestranda em Psicologia Social pela UFPE e integrante da Rede Nacional de Feministas Antiproibicionistas – RENFA; e o psicólogo Leandro Roque, Mestre em Política Social pela UFPB e presidente da Comissão de Saúde Mental, Álcool e Outras Drogas do CRP-13.

Já em Campina Grande, foram convidados para mediar as discussões a Doutora em Psicologia Social pela Universidad Autónoma de Barcelona, Maristela Moraes, que atualmente coordena o Núcleo de Estudos e Extensão sobre Drogas (NUD-UFCG); o enfermeiro Thiago Sotero, redutor de danos e membro da equipe de saúde da penitenciária padrão de Campina Grande e na penitenciária feminina de Campina Grande; além de Bruno Logan, que também participou do evento em João Pessoa.

A temática da Saúde Mental é um assunto que tem chamado atenção não só na área das políticas públicas como também nos espaços sociais em geral. Em 2017, o tema ganha ainda mais força devido à celebração dos 30 anos da publicação da Carta de Baurú, que se tornou um marco na história da Luta Antimanicomial.

Fonte: Ascom CRP-13
« voltar para a lista